Fato Real
Você Repórter

Levantamento mostra que média de gastos com a virada do ano deverá ser de R$ 292

A virada do ano é um momento bastante aguardado pelas pessoas. Passado o período de Natal, o comércio se prepara para atender os consumidores que pretendem manter a tradição de passar a virada do ano com alguma peça de roupa nova. Um levantamento feito em todas as capitais pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), em parceria com a Offer Wise Pesquisas, revela que mais da metade (53%) dos consumidores pretende comprar alguma peça de roupa, sapatos ou acessórios para festejar a chegada de 2021, o gasto médio com estes itens será de R$ 242.

Para os supersticiosos, a cor da roupa também é um detalhe que será levado em consideração nas comemorações da virada. 42% dos entrevistados pretendem usar branco no réveillon. O amarelo, que para muitos simboliza dinheiro, será opção de 6% das pessoas, seguido pelo azul (5%), vermelho (3%) e preto (3%).

As simpatias de Ano Novo também não ficaram de fora para 33% dos entrevistados, principalmente para ganhar mais dinheiro (14%), conseguir um emprego (7%) e encontrar ou manter um amor (6%).

O levantamento aponta ainda que 38% dos entrevistados pretendem festejar em casa, um aumento de 10 pontos percentuais em relação ao ano passado, enquanto 10% pretendem viajar, (especialmente as classes A/B), e 10% planejam passar a virada na casa dos pais. Os gastos com as compras e celebrações do Réveillon, como viagens ou ceia, deverão ser, em média, de R$ 292. “Mesmo com a pandemia, o brasileiro vai comemorar a passagem de ano e manter a tradição de passar a virada com uma peça de roupa nova. Os dias seguintes ao Natal são um período em que muitos consumidores realizam a troca de presentes e o comércio aproveita o momento para atrair novas vendas”, explica o presidente da CNDL, José César da Costa.

Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas
CNDL

Se você quer ver sua reclamação, foto, denúncia ou elogio no Fato Real; se quer enviar uma pauta ou sugestão de reportagem, envie seu email para [email protected]

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!