Fato Real
Destaque Política

Candidato denuncia conchavos políticos nos bastidores da disputa eleitoral em Lafaiete

Zezé do Salão fechou a primeira sequência de entrevistas com prefeitáveis
Zezé do Salão fechou a primeira sequência de entrevistas com prefeitáveis

Zezé do Salão foi o convidado para encerrar a primeira semana de entrevistas com os oito candidatos a prefeito de Lafaiete realizadas em parceria pelas emissoras de rádio das Organizações Agostinho Campos Neto e o Site de Notícias Fato Real.

No programa desta sexta-feira (06/11), José Ricardo Sírio (PTC), que não participa do horário eleitoral gratuito por seu partido não ter representatividade no Congresso Nacional, disse que paga o preço por não ter cedido a pressões de pessoas influentes para desistir do próprio projeto político e se engajar em campanhas consolidadas e com maior visibilidade pública.

Candidato aponta conchavos para cargos na prefeitura
Candidato aponta conchavos para cargos na prefeitura

Zezé se apresentou como candidato independente e não participa de nenhuma coligação, nem lançou candidatos a vereador: “Se tivesse saído por outro partido, teria que fazer acordo e aceitar indicações para as secretarias de pessoas que não têm nada a ver com as pastas. Não dá pra fazer acordo desse jeito”, disse.

Experiência na Câmara

Para superar os obstáculos e conseguir se comunicar com a população, Zezé do Salão se vale da experiência acumulada em dois mandatos consecutivos como vereador. Por outro lado, ele disse não ver nenhum inconveniente no fato de ter um parente próximo como companheiro de chapa. Sobrinho de Zezé do Salão, Elvis de Souza Sírio é candidato vice-prefeito na sua chapa.

Negociações

Por diversas vezes ao longo da sabatina, além da troca de candidaturas por cargos, Zezé do Salão denunciou negociações conduzidas nos bastidores por grupos políticos e o aliciamento de candidatos a vereadores para inflar campanhas de concorrentes à prefeitura.Inclusive, outra pessoa que inicialmente seria seu companheiro de chapa como candidato a  vide teria sido aliciado para outro grupo com promessas de cargo futuro na prefeitura. “Eu mesmo participei de várias reuniões. Diversos partidos insistiram para desistir de minha candidatura para apoiar seus candidatos. Em troca, eu poderia pegar uma secretaria ou indicar quem eu quisesse. Essa política precisa acabar. A gente tem de colocar pessoas que realmente pensem na nossa cidade e possam geri-la da maneira correta”.

Contudo, perguntado sobre quem seriam os políticos que estão fazendo pressões e negociatas com cargos futuros, o candidato  se esquivou e disse que não seria prudente, neste momento, citar nomes de possíveis envolvidos nas supostas barganhas.

A exemplo dos participantes anteriores, Zezé do Salão propôs alternativas para resolver problemas crônicos do município.

Saúde

PTC não fez coligação para a eleição
PTC não fez coligação para a eleição

O candidato acredita que a saída viável para a novela em que se transformou a conclusão do hospital regional seria instalar um hospital-escola em suas dependências, gerido em parceria com faculdades de medicina. Em caso de vitória nas urnas, José Ricardo Sírio cogita aproveitar o trabalho dos médicos residentes para atender à população de Lafaiete e cidades próximas. Zezé do Salão também prometeu acabar com o tráfico de influência na liberação de vagas para cirurgias e consultas eletivas, prática que privilegia pacientes e prejudica outros que esperam há anos na fila. Também criticou a precariedade dos postos de saúde e defendeu a reestruturação da Policlínica Municipal.

Cultura – Educação – Inclusão

O candidato se posicionou favoravelmente à utilização conjugada do ginásio poliesportivo, hoje inativo para suas funções, para a realização de eventos artísticos e a prática de esportes. Zezé do Salão considera que as dependências do ginásio reúnem as condições necessárias para a construção de um teatro, anseio da classe artística lafaietense.

Respondendo ao questionamento do ouvinte Adilson Lopes, que reivindicou a implantação de medidas inclusivas e de acessibilidade para pessoas com deficiência, o candidato se comprometeu a indicar pessoas envolvidas na causa para estudar a viabilidade da implantação de políticas de inclusão e de mobilidade.

Para contornar a carência de vagas na educação infantil, Zezé do Salão não vê outra solução que não seja a construção de novas creches e concluir aquelas que se encontram eternamente em obras. O candidato garantiu que o Município teria recursos em caixa exclusivamente para essa finalidade. Por fim, prometeu democratizar a educação e implantar eleições diretas para que a comunidade estudantil escolha os diretores das escolas municipais.

Próximas

Todos os candidatos foram convidados para o ciclo de entrevistas. A  sequência do espaço para as próximas participações é a seguinte:

  • Talysson Zebral / Segunda-feira (09).
  • Alvaro / Terça-feira (10).
  • Aloísio Resende / Quarta-feira (11).
  • Cleber da Caixa / Quinta-feira (12).

As entrevistas são ao vivo, a partir das 10h, com transmissão pelas rádios: 89,9 FM, 92,3 FM e 101,3 FM e pelo Instagram do Fato Real – fatorealsite.

A reprise ocorre às 15h pela rádio Carijós 92,3 FM e fica disponível no Instagram do Fato Real.

 

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!