Fato Real
Polícia

Homem é indiciado por divulgar cenas de sexo com ex-companheira

A Polícia Civil indiciou nesta quinta-feira (25/03) um homem, de 51 anos, suspeito de divulgar cenas de sexo com sua ex-companheira pela internet.

O vídeo circulou entre a população da cidade de Aracitaba, causando constrangimento à vítima, de 43 anos, que procurou a Polícia Civil em fevereiro deste ano, para registrar a ocorrência. Durante depoimento a vítima relatou que havia terminado o relacionamento com o investigado por ciúmes e que começou a se relacionar com outro homem, mas quando o ex-companheiro soube da nova relação, divulgou um antigo vídeo em que os dois apareciam fazendo sexo.

O suspeito prestou esclarecimentos na unidade policial e alegou que, realmente, havia compartilhado o vídeo com uma única pessoa da cidade de Aracitaba. Em seguida, o indivíduo caiu em contradição, afirmando que seu telefone teria sido furtado, porém a data do suposto furto era posterior a data do boletim de ocorrência registrado pela vítima, ou seja, a divulgação já havia sido feita.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Daniel Gomes, “tais casos passaram a ser conhecidos através do termo em inglês “Revenge Porn” ou “Vingança Pornô”, em português, justamente em situações como esta, em que insatisfeitos com o fim de relacionamentos, por motivo de ciúmes e com o intuito de se vingar de ex-companheiras, os autores acabam por divulgar cenas íntimas de sexo do casal. A pena do crime varia de um a oito anos de prisão, tendo em vista causa de aumento de pena que pode ser aplicada em alguns casos”.

O inquérito policial foi concluído e encaminhado à Justiça de Santos Dumont para as providências cabíveis.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!