Fato Real
Lafaiete

Greve em transporte público entra no segundo dia em Lafaiete

O lafaietense deverá enfrentar pelo segundo dia consecutivo dificuldades extras no transporte coletivo. Até a noite de ontem funcionários da Viação Presidente mantinham a  disposição de permanecer em greve, reivindicando pagamentos de direitos trabalhistas. A empresa fez uma proposta de pagamento imediato do plano de saúde, e a quitação do salário atrasado (relativo ao mês de dezembro) até sexta-feira (15), mas os trabalhadores não aceitaram. Eles alegam não acreditarem mais nos compromissos assumidos, e que os atrasos ocorrem de maneira sistemática.

Até às 6h30 nem os  quatro ônibus que circularam hoje haviam saído da garagem. O Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário de Conselheiro Lafaiete (SINTTROCOL) informou que esta decisão não partiu da entidade e segundo o advogado Antônio Braga a empresa não se manifestou ainda. Apenas  foi informado ontem que o proprietário da empresa viria para Lafaiete, mas nenhum contato dele foi feito.

Nota

Em contato com o Fato Real, funcionários criticaram uma nota de esclarecimento publicada pela Viação Presidente.  No documento a empresa confirma os atrasos, mas fala em proposta de negociação e indignação om a situação que poderia ser resolvida com “união e perseverança” sem prejudicar aqueles que mais necessitam do transporte público.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!