Fato Real
Gerais

Reunião discute retorno de apresentações em bares e restaurantes

Decisão que será tomada em Barbacena poderá refletir em outras cidades
Decisão que será tomada em Barbacena poderá refletir em outras cidades

Representantes dos segmentos de entretenimento, cultura e música de Barbacena se reuniram com a Secretária Municipal de Saúde, Marcilene Dornelas, e com a Chefe interina da Vigilância Sanitária, Rosane Visa, na segunda-feira (05), para discutir o retorno do setor musical dos bares e também ponderar sobre os prejuízos que a pandemia da Covid-19 ocasionou nessas áreas. “Estamos fazendo o necessário, funcionando com 30% da capacidade controlada, desta forma não vemos motivos para não ter música. Até porque quem controla o fluxo e cumprimento dos protocolos do estabelecimento somos nós”, destacou o empresário Nilson Ferreira.

Em contrapartida Marcilene ressaltou a importância do controle e da conscientização para que a cidade não corra riscos de retorno a uma possível onda vermelha dentro do Programa Minas Consciente, reiterando que o que dificulta é a conscientização da população que permanece nos locais e acabam desrespeitando os protocolos relativos às aglomerações.  “Não vejo problema em se ter voz e violão, clipes de música em TV ou som ambiente, desde que haja rotatividade de público e controle de decibéis por parte dos donos das casas”., disse a  secretária.

Um Termo de Ajustamento de Conduta com as propostas será encaminhado para ser apresentado ao Conselho da Macrorregião Centro Sul que engloba 51 municípios, entre eles, Conselheiro Lafaiete. (Fonte: Barbacena on line).

Leia também:  Profissionais do setor de eventos reivindicam o direito de retomar atividade.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!