Fato Real
Gerais Regional

Jubileu em Congonhas será com igrejas fechadas, sem romeiros e sem barracas

Jubileu tem tradição de reunir multidão
Jubileu tem tradição de reunir multidão

Não fosse a pandemia a movimentação em Congonhas já seria grande com vendedores ambulantes montando suas barracas e milhares de romeiros já estariam em longas viagens se deslocando para a cidade para o “jubileu”.

Há 239 anos, a Igreja Católica promove em Congonhas, no período de 07 a 14 de setembro, o Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matozinhos, uma das mais antigas e tradicionais peregrinações religiosas do país. Este ano, devido à pandemia do novo coronavírus, o evento não poderá ser realizado da forma como os fiéis estavam acostumados. As missas serão celebradas online, sem a presença física dos devotos.

Mesmo durante o período festivo, todas as igrejas da cidade permanecerão fechadas ao público. Conforme explicou o reitor da Basílica do Senhor Bom Jesus, cônego Geraldo Leocádio, o importante neste momento é que os romeiros permaneçam em casa e programem a visita ao padroeiro para quando a pandemia acabar: “O coronavírus continua presente. Em Congonhas já registramos mais de 600 casos e essa situação nos deixa preocupados. A grande circulação de pessoas contribui para o aumento da circulação do vírus e a doença tende a se propagar. A pessoa que se contaminar aqui pode levar o novo coronavírus para a sua comunidade e, mesmo que não adoeça, corre o risco de contagiar outra pessoa mais fragilizada e até levá-la a óbito. Portanto, a nossa responsabilidade é muito grande e preferimos seguir as orientações das autoridades de saúde e da própria Arquidiocese de Mariana, que recomenda a máxima atenção de nossa parte para com o momento atual”.

Programação virtual

O reitor confirmou que haverá celebrações virtuais de missas todos os dias às 7h, 15h e 18h. O cônego Geraldo Leocádio conclamou os devotos do Senhor Bom Jesus, que este ano não poderão se encontrar pessoalmente nestes sete dias de louvor e oração, a se unirem na fé pelas redes sociais.

As celebrações religiosas serão transmitidas ao vivo pelos seguintes canais:

Rádio Congonhas FM 91.3: www.radiocongonhas.com.br.
Facebook Rádio Congonhas: www.facebook.com/radiocongonhas.

Fotos: Elaine Gouveia/Divulgação.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!