Fato Real
Coluna Vou Falar - por Aaron Fenix Gerais

Algumas lições da pandemia

Uma coisa é fato neste mal assombrado 2020: todos nós, de alguma forma, querendo ou não, estamos saindo diferentes dessa longa experiência de reclusão e de isolamento social. Muitas coisas podem ser levadas adiante como importantes lições de vida. A primeira lição é a de que o momento presente é extremamente valioso. Usualmente, vivemos pensando no dia de amanhã, na próxima sexta-feira, na viagem que faremos em breve, nas tão merecidas férias e, assim, o dia de hoje simplesmente evapora e se torna mais um obstáculo a ser superado com pressa, muita pressa. Esse período nos ensinou, portanto, que o dia de hoje é muito importante e merece ser vivido em sua plenitude, pois, literalmente, é a única coisa que temos nas mãos. Descobrimos que podemos viver com as mesmas roupas por dias, pois são poucas aquelas que efetivamente nos trazem o verdadeiro conforto emocional e que não precisamos de vários sapatos ou de um guarda-roupas muito representativo

E as relações familiares? Descobrimos que muito daquilo que tanto nos importunava, na verdade, era muito mais proveniente de nossa falta de tempo ou de paciência do que propriamente decorrente das pessoas à nossa volta (que precisam, na verdade, apenas de um pouco de atenção). Essa reclusão porque passamos nos abriu uma possibilidade de olharmos nos olhos dos outros, de vez em quando, descobrir que, como nós, eles também ficaram inquietos e assustados e que, na verdade, “estar bem” também se relaciona com nossa capacidade de poder ajudar os outros a se sentirem, igualmente, um pouco melhor.

A mais importante de todas as aprendizagens que forçosamente tivemos a grande lição que fica é a de que devemos viver um dia de cada vez, prestando um pouco mais de atenção aos detalhes e, desta forma, tirando o máximo de proveito possível de cada gesto ou ato. Ao fazermos isso, estaremos emocionalmente mais presentes para poder realizar os ajustes de percurso que são importantes e, finalmente, voltar a fazer as verdadeiras conexões conosco e com as pessoas que realmente importam à nossa volta.

Essa experiência poderá nos devolver uma leveza que não sentíamos faz muito tempo. Como diz aquele velho ditado: a vida é muito mais simples do que parece e, se está difícil, é porque a fazemos assim.

Tô Sabendo e Vou Falar!
Aaron Fênix

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!