Fato Real
Destaque Lafaiete

Covid tira a vida do produtor cultural José Carlos Seabra

Lafaiete perde o agitador cultural José Carlos Seabra/Foto/Correio da Cidade
Lafaiete perde o agitador cultural José Carlos Seabra/Foto/Correio da Cidade

O setor cultural de Conselheiro Lafaiete sofre mais uma grande perda e fica mais empobrecido. Menos de uma semana após lamentar a morte da professora, escritora e historiadora D.Avelina Noronha, a cidade recebe na manhã desta quarta-feira 03/03 a informação da morte de José Carlos Seabra Henriques.

José Carlos Seabra estava internado no Hospital e Maternidade São José e não resistiu às complicações causadas pela Covid-19.

Artista plástico e produtor cultural, Seabra era pessoa extremamente ligada às artes e cultura da cidade. Foi proprietário do inovador “Espaço Lafaiete” livraria onde os clientes, além dos livros, sempre encontrava boa conversa literária e local aconchegante para um café e leitura. A família já atuava no ramo comercial há décadas com a “Loja Colibri”.  Também foi presidente do Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural de Conselheiro Lafaiete e várias vezes cotado para assumir a Secretaria Municipal de Cultura.

Em 2017 José Carlos realizou a exposição “Memória (sus) pensa: #cadeia de sentidos na contramão das grades”, no Museu e Arquivo Antônio Per­digão.

Família

Mãe e filho faleceram em uma semana
Mãe e filho faleceram em curto espaço de tempo

A família Seabra vive um drama em decorrência da pandemia. Há pouco mais de uma semana, no dia 22/02 faleceu Olímpia Seabra (dona Filhinha), mãe de José Carlos Seabra, também em decorrência da Covid-19.

Também estão internados a esposa dele (Fátima), o filho (Lucas) em tratamento contra a doença.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!