Fato Real
Coluna Vou Falar - por Aaron Fenix

Cuidado com os humanos!

A cada dia somos bombardeados de notícias trágicas, sórdidas, de uma perversidade que parece não ter limites. Quando achávamos que um fato tinha chegado ao máximo da bestialidade do “fim do mundo”, da desumanização do ser humano, eis que surgem novas histórias ainda mais chocantes.

Esta semana em Lafaiete ficamos escandalizados com a notícia de que o pai de uma criança gastou em farras, parte de um dinheiro arrecadado em doações para o tratamento dessa criança; e assustados com a notícia de que um cidadão arrastou a ex-companheira presa em um carro pela principal avenida da cidade.

O ser humano raciocina e tem muita inteligência, mas muitas vezes usa tudo isso para as piores causas. Quanto mais conheço algumas pessoas, mais decepção sinto.

É lamentável todos os dias ter de assistir e suportar certas atitudes que em nada dignificam a nossa espécie. Estudos do comportamento humano mostram que todos nós temos potencialmente uma ÍNDOLE BOA e um lado RUIM E CRUEL, ainda que este seja “domesticado” pelas leis, religião, moral e ética. Somos resultado daquilo que já nasce conosco chamado TEMPERAMENTO ou PERSONALIDADE, que se soma com as influências do meio ambiente onde desenvolvemos nossa cultura, religiosidade, formação social e familiar, que será moldado por algo que é adquirido, que é o CARÁTER. Somos, portanto a somatória de nossa personalidade, do ambiente em que vivemos e do caráter que vamos formando.

Numa sociedade tão injusta, corrupta em guerra constante (tráfico, violência, assaltos, brigas religiosas, políticas, times de futebol, cor, classe social, disputas de território, entre outras batalhas do dia- dia) estamos cada vez mais cheios de tecnologia e estranhamente cada vez mais regredidos na área moral, afetiva e espiritual. Por vezes o lado mais cruel, maldoso, sádico, tem superado o lado humano, generoso, cristão.

Mas, sou otimista, todo esse caos está vindo para resgatar no nosso coração, nossa mente e nossa alma o que viemos fazer na vida terrena: evoluir no perdão, limpando do nosso interior as mágoas, raivas, ódios, invejas, ciúmes, apego aos bens materiais, ao poder que só adoece e infelicita o resgate da fraternidade, da compreensão, da capacidade de viver em paz no ambiente de família, nas escolas, na vida social, no trabalho é o maior sentido da vida. Se não entendermos isso, se não mudarmos os nossos comportamentos e visão egoísta, continuaremos a ter contato com a face mais cruel da existência humana.

Tô Sabendo e Vou Falar!
Aaron Fênix

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!