Fato Real
Destaque Regional

Em três anos Gerdau terá investimentos, expansão e parada do alto-forno em Ouro Branco

A Gerdau concluiu o exercício de 2018 com R$ 46,2 bilhões de receita líquida, 25% a mais sobre o ano anterior. Os dados foram tornados públicos nesta semana com a apresentação do balanço divulgado pela Siderúrgica.

“Encerramos o ano de 2018 com a conclusão bem-sucedida do plano de desinvestimentos da Gerdau (…). Até o momento, vemos perspectivas otimistas para nossos principais mercados de atuação, que poderão gerar resultados consistentes em 2019. Frente a isso, vamos investir R$ 7,1 bilhões nos próximos três anos, valor que poderá ser ajustado de acordo com a evolução de mercado”, afirma o diretor-presidente (CEO), Gustavo Werneck.

Ouro Branco

A partir desse ano, a Gerdau passa a divulgar seu programa de investimentos (CAPEX) para o período de três anos (2019-2021), como evolução do processo de governança da empresa. Os investimentos totalizam R$ 7,1 bilhões e passam a ser classificados em três categorias: manutenção geral, manutenção na usina de Ouro Branco (MG) – maior usina da Gerdau -, e expansão e atualização tecnológica. Os investimentos em manutenção geral referem-se a iniciativas recorrentes para ampliar a excelência operacional nos ativos existentes.

Os investimentos em manutenção de Ouro Branco abrangem uma série de iniciativas referentes à parada programada de modernização da usina em 2022. Em 2019, haverá uma parada de 60 dias no alto-forno 1 da usina de Ouro Branco e, em 2020 e 2021, serão realizadas reformas graduais. Já os investimentos em expansão e atualização tecnológica envolvem aumento de capacidade instalada e inovação em linhas de produtos ou processos com maior potencial de rentabilidade.

Os principais destaques de investimentos de expansão são o aumento da capacidade instalada de laminados de 530 mil toneladas em diversas usinas na América do Norte (R$ 456 milhões), a ampliação da capacidade de produção de aços especiais em Pindamonhangaba (SP) e Monroe (EUA) no total de R$ 798 milhões e o incremento da produção de bobinas a quente em Ouro Branco (MG) em 230 mil toneladas (R$ 380 milhões). Também serão realizados investimentos na área de mineração, buscando as melhores tecnologias existentes no mundo em meio ambiente e segurança operacional.

Pagamento de dividendos 

As empresas de capital aberto no Brasil – Gerdau S.A. e Metalúrgica Gerdau S.A – pagarão dividendos trimestrais no dia 18 de março de 2019. Serão pagos R$ 170 milhões para os acionistas da Gerdau S.A. (R$ 0,10 por ação) e R$ 49 milhões para da Metalúrgica Gerdau S.A. (R$ 0,05 por ação). No acumulado do ano, foram destinados R$ 765 milhões para os acionistas da Gerdau S.A. (R$ 0,45 por ação) e R$ 244 milhões para os acionistas da Metalúrgica Gerdau S.A. (R$ 0,25 por ação).

Fonte: Gerdau.com.br

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!