Fato Real
Polícia

Homem morre em confronto com policiais

Um homem foi morto neste sábado 07/09 em Congonhas em confronto com policiais militares.

Os militares compareceram a uma residência no bairro Alvorada, local indicado como sendo onde estava Jhon Alves Pereira, que tinha um mandado de prisão aberto em seu desfavor por fuga. Ele era apontado pela PM como um indivíduo de alta periculosidade, com registros policiais por tráfico ilícito de drogas, posse ilegal de arma de fogo, roubo e homicídio.

A Polícia Militar informa que recebeu denúncias de que os autores John (29) e I.C.N.(25) haviam ameaçando um morador e danificando seu imóvel.No boletim de ocorrência foi registrado que os policiais foram recebidos pela namorada de John, e viram os dois homens tentando fugir pelo telhado da residência. O local foi cercado, sendo efetuada inicialmente a prisão de I.C.N., que prontamente acatou as ordens dos militares.

Pelo telhado os policiais viram Jhon escondido no vão existente entre a laje e o telhado. Foi determinado que ele se entregasse e saísse do local com as mãos levantadas. O autor, além de não acatar as ordens fez vários disparos contra a guarnição, que utilizou de suas armas de fogo, fazendo com que o autor fosse incapacitado. Com ele estava um revólver calibre. 32 com seis munições percutidas. Imediatamente foi acionado socorro, por meio do SAMU e do Corpo de Bombeiros, sendo constatado o óbito do autor.

Drogas e armas

Durante as buscas no imóvel, foram localizados 26 (vinte e seis) pinos grandes de cocaína, 02 (dois) pinos pequenos de cocaína, 14 (quatorze) papelotes de cocaína, 09 (nove) buchas de maconha, 01 (uma) balança de precisão, 01 (uma) touca ninja, R$ 237 (duzentos e trinta e sete) reais, 01 (um) rádio comunicador, 03 (três) buchas de crack, 01 (um) revólver calibre 38, 01 (um) revólver calibre 32, 03 (três) munições cal. 32 deflagradas e 03 (três) picotadas, 06 (seis) munições calibre 38 intactas e 03 (três) buchas maiores de cocaína.

Diante dos fatos, os autores I.C.N. e P.C.C.P. (21), presos em flagrante delito, foram encaminhados até a Delegacia de Polícia Civil de Conselheiro Lafaiete juntamente com materiais apreendidos, onde ficaram à disposição da autoridade de Polícia Judiciária para demais providências.

 

 

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!