Fato Real
Polícia

Após invadir comércio e ameaçar funcionária, Júlio César segue preso em Lafaiete

Permanece detido em Conselheiro Lafaiete, o homem identificado como Júlio César (31 anos), que vinha ameaçando e agredindo mulheres nas ruas da cidade.

Na última semana, diversas  mulheres relataram ao fato real e em redes sociais  terem sido perseguidas e importunadas pelo homem. Júlio César também seria usuário de drogas e além de ameaçar mulheres em busca de dinheiro , também é suspeito de cometer pequenos furtos para sustentar o vício.

A prisão do suspeito, realizada na noite desta terça-feira (05/11), continua repercutindo na cidade. Especulava-se que, a fim de preservar sua integridade física, Júlio teria sido transferido para outra cidade, o que não foi confirmado pela Polícia Militar.

A prisão

A Polícia Militar foi chamada nesta terça-feira depois que Júlio invadiu um estabelecimento comercial na Avenida Prefeito Mario Rodrigues Pereira e ameaçou uma funcionária de morte. Pessoas que testemunharam a ameaça intervieram e tentaram imobilizar o suspeito, que conseguiu se desvencilhar e fugir.

Conforme Boletim de Ocorrência, ao ser alcançado na rua Vereador Léo Franco, Júlio  tentou escapar à abordagem policial pulando os muros de diversas residências próximas. Mesmo depois de ser capturado, o homem ainda resistiu à voz de prisão e os policiais precisaram contê-lo e algemá-lo.

Júlio foi detido em flagrante e responde pelos crimes de resistência, desobediência e ameaça. Antes de ser encaminhado à delegacia, o suspeito recebeu atendimento médico na Policlínica Municipal, procedimento que a Polícia Militar definiu como de rotina em casos como este. Quanto à sua possível transferência para outra cidade e encaminhamento para tratamento médico, a PM esclarece que esta é uma prerrogativa que compete à Autoridade Judiciária.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!