Fato Real
Lafaiete

Voluntários de Lafaiete e Ouro Branco produzem protetores em 3D para profissionais que atuam no combate ao coronavírus

Estar em quarentena por causa do novo coronavírus não significa ficar de braços cruzados, vendo a vida passar monótona e em câmera lenta. Ou ficar reclamando atrás de um computador ou redes sociais pelo celular. É preciso se reinventar e continuar produzindo. Se possível sendo útil neste momento de caos.

Equipamento produzido via 3D

Foi este pensamento que reuniu um grupo de pessoas, de Conselheiro Lafaiete e Ouro Branco, alguns desconhecidos entre si até então, em torno de uma mesma ideia: produzir, com a ajuda de impressoras 3D, protetores faciais para os profissionais de saúde que atuam no tratamento de casos suspeitos e confirmados da COVID-19, chamados “face shields”.

Com base em iniciativas que contribuíram para minimizar a pandemia, em outros países e também aqui no Brasil, eles já puseram mãos à obra . Até empresas de grande porte estão apostando na ideia, como as montadoras de automóveis, que, ao se verem obrigadas a diminuir drasticamente a produção, resolveram aproveitar a capacidade ociosa  e contribuir para o esforço conjunto de combate à pandemia e seus efeitos.

Em Lafaiete este trabalho voluntário espera produzir em torno de 600 protetores.  A produção é feita pelos voluntários e o custeio da matéria prima veio por meio de uma campanha junto às Lojas Maçônicas de Lafaiete e região.

Os protetores faciais serão distribuídos gratuitamente às secretarias municipais de saúde de Conselheiro Lafaiete, Congonhas e Ouro Branco; estas os repassarão aos médicos, enfermeiros e servidores que estão sendo preparados para trabalhar nos hospitais e alojamentos de campanha, bem como nos hospitais de cada município convertidos em referência para notificações do coronavírus. Também já solicitaram o equipamento de proteção o Instituto Médico Legal de Lafaiete e outras entidades.
A ideia surgiu da iniciativa do Engenheiro Mecânico e professor universitário, Carlos Augusto da Silva, que junto com o Engenheiro Eletricista Glauber Furini, iniciaram a pesquisa e buscaram mais parceiros na cidade.

Primeiro protetor feito pelo grupo

Integrante do grupo, formado por empresários, médicos, profissionais liberais, estudantes  e pessoas que dispõem desse tipo de impressora em casa, o veterinário Jean Ciarallo explicou que o modelo dos protetores produzidos em Lafaiete foi aprovado pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e também são produzidos em diversas regiões do país, como Belo Horizonte e a cidade de Joinville, em Santa Catarina, principal inspiração para o início da iniciativa.

Os “face shields” Não são descartáveis e serão de grande utilidade em caso de atendimento em massa de possíveis contaminados pelo coronavírus.   Os protetores serão entregues junto com um manual e orientação de uso.

Colabore

Carlos Augusto da Silva diz que o grupo está aberto à colaboração de outras pessoas que trabalhem com impressoras 3D e disponham do equipamento. Também será muito bem-vinda a ajuda de voluntários para fazer a higienização do material utilizado, a montagem e entrega das máscaras. Quem quiser se juntar aos criadores de máscaras para uso no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus pode entrar em contato

Você que possui impressora 3D, pode ser voluntário nesta ação. O grupo já adquiriu material para a produção de cerca de 600 protetores, mas precisa de mais impressoras 3D para agilizar as confecções.
Se você tem o equipamento e deseja fazer parte desta ação social pode entrar em contato por meio dos telefones: (31) 9 9989-6520 ou (31) 9 9282-9222.Contamos com vocês!

Participam do grupo.

Carlos Augusto, Jean Ciarallo, Glauber Furini (PRINT3D.TECH), Guilherme Gomes (NIPEM/UFSJ), Tarsis Prado, Cláudio Baêta, Emilce Almeida, Raphael Muniz, Rene Costa, Jean Carlos, Josemar Costa, Rodolfo Costa, Marcos, Paulo Thúlio, Erli e Alessandro Vasconscelos.  Além dos que apoiaram totalmente a iniciativa.

Instagram de alguns participantes do grupo:

@jeanciarallo
@carlos_augustus
@glauberbiro
@claudiofortes7
@renecosta
@rodolfofocosta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!