Fato Real
Lafaiete

Lafaiete já contabilizou 17casos suspeitos de coronavírus

Terminou no começo da noite desta quinta-feira 19/03 uma coletiva de imprensa para repasse de informação das autoridades sobre as ações que vendo sendo tomadas em Lafaiete para o enfrentamento ao coronavírus.

Entre os participantes estiveram o prefeito Mário Marcus, o Juiz de Direito, Dr. José Aluisio Neves da Silva, a 2ª Promotora de Justiça, Curadora da Saúde, Dra. Carolina Queirós de Carvalho, o Comandante do 31º BPM, Tenente Coronel Eduardo, a Secretária de Saúde, Rita de Kássia melo e a infectologista Fernanda Neves.

Os integrantes da mesa fizeram longa explanação sobre as ações já tomadas e ao final responderam questionamentos de jornalistas.

Entre as principais questões, a secretária de Saúde informou que Lafaiete atingiu o número de 17 casos suspeitos de contaminação pelo coronavírus. Número que superou o que havia sido citado em áudio do presidente do Conselho Municipal de Saúde de Lafaiete, que viralizou ontem. Roberto Santana afirmava no áudio que havia saído de uma reunião, que a situação era preocupante e que a cidade tinha 17 casos suspeitos da doença. A cidade não tem nenhuma confirmação de COVID-19.

Na tarde de hoje, Rita de Kássia confirmou que Lafaiete chegou aos 17 casos suspeitos, sendo três já foram descartados e um apesar de ter sido atendido em Ouro Branco, reside em Lafaiete.

Outro ponto importante na coletiva é a postura do prefeito Mário Marcus em relação ao comércio. Ele se mostrou resistente a decretar o fechamento do comércio em larga escala. Nesta sexta-feira nova reunião com entidades ligadas ao comércio deverá ocorrer para discutir o assunto. Mário Marcus adiantou que alguma medida será tomada, mas sem precisar quais, podendo ser o fechamento de estabelecimentos de grande aglomeração como salões de festas e eventos.

Outros assuntos discutidos na coletiva você acompanha em outras matérias aqui do Fato Real.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!