Fato Real
Coluna Bela Cris - Por Cris Fontana

12 Pomadas Cicatrizantes Mais Conhecidas – Como Usar e Dicas

Todo mundo em algum momento já necessitou de uma pomada cicatrizante, não é mesmo?  – seja por causa de uma queimadura, uma tatuagem recém-feita, de uma incisão cirúrgica ou de uma ferida.

Embora todas elas sirvam para cicatrizar  e curar, há alguns cuidados que devem ser observados dependendo da finalidade. Uma pomada cicatrizante para queimaduras, não terá a mesma composição do que uma pomada para passar depois de fazer uma tatuagem, por exemplo.

Nesse artigo de hoje, vamos dar várias dicas de como utilizar as pomadas cicatrizantes mais famosas existentes no mercado para uma cicatrização rápida e saudável.

Cicatriz

É comum sofrer ferimentos na pele de vez em quando. Além disso, pessoas que passam por alguma cirurgia ou até mesmo a procedimentos estéticos podem vir a precisar de pomadas cicatrizantes durante o tratamento.

Atualmente existem diversos tipos de pomadas cicatrizantes no mercado e a nossa missão neste artigo é apresentar quais são as melhores e quais são os componentes responsáveis que agem na sua pele.

Pomadas cicatrizantes mais conhecidas

1 – Hipoglós

As pomadas que contêm zinco são excelentes pomadas cicatrizantes para ferimentos como cortes e escoriações, além de serem ótimas para assaduras e irritações na pele.

Normalmente, a pomada de zinco é encontrada em conjunto com outros medicamentos, como por exemplo, o antifúngico Nistadina com óxido de zinco ou também na fórmula de pomadas para assaduras como o Hipoglós.

Modo de usar

O Hipoglós deve ser aplicado sob a pele devidamente limpa e seca. Aplique uma boa quantidade da pomada e massageie a área da cicatriz vária vezes ao dia ou de acordo com as orientações do seu médico.

2 – Neosporin

Geralmente pomadas cicatrizantes para cortes na pele contém antibiótico em sua composição a fim de prevenir infecções. Estes tipos de pomada também devem ser usados em escoriações e em cicatrizações depois de procedimentos cirúrgicos. Como exemplo temos a  Neosporin e a Polysporin.

Modo de usar

A pomada Neosporin deve ser usada de 1 a 3 vezes ao dia sobre a pele devidamente limpa e seca. Por se tratar de um antibiótico, é indicado ler atentamente os indicativos presentes na bula da pomada e seguir rigorosamente todas as recomendações médicas. Deve ser aplicada uma pequena quantidade suficiente para espalhar sobre a cicatriz, sem deixar excesso ao redor.

3 – Aloe vera

A pomada de Aloe Vera ou também conhecida como Babosa, é muito utilizada para tratar problemas de pele em geral. É uma excelente pomada para cicatrizar queimaduras e feridas abertas. É possível também usar o gel extraído diretamente do interior da folha de Babosa e aplicar na pele.

Modo de usar

Por ter baixo risco de efeitos colaterais, cremes e pomadas que contêm Aloe Vera podem ser utilizados várias vezes ao dia diretamente na ferida ou cicatriz. Porém, três aplicações diárias são suficientes. Sempre limpe bem o local antes da aplicação.

4 – Cortisona

Pomadas que contêm cortisona são excelentes pomadas para cicatrização, pois atuam como anti-inflamatórios, protegem contra a infecção e agem contra grande parte das escoriações, cortes e irritações na pele.

Há pomadas cicatrizantes de cortisona com diversas concentrações. A concentração ideal para a sua pele e cicatriz deve ser pré-determinada por um médico através de uma prescrição.

Modo de usar

É conveniente usar uma camada bem fina da pomada sobre a área lesionada 1 vez ao dia. Nos casos mais graves, pode ser necessário aplicar 2 vezes, porém sempre sob supervisão médica, já que os corticosteroides, como a cortisona, podem causar efeitos adversos indesejáveis.

5 – Fibrase

A Fibrase é uma excelente pomada para o tratamento de lesões na pele que estejam infectadas, ou que podem ser infectadas com mais facilidade, como queimaduras, feridas e úlceras varicosas. Possui uma combinação de efeito anti-inflamatório e ação bactericida que evita a proliferação de bactérias.

Modo de usar

De acordo com a bula, a Fibrase deve ser aplicada de forma tópica, pelo menos, 1 vez ao dia ou a cada 6 ou 8 horas, dependendo da gravidade da lesão e com as devidas recomendações médicas. Basta aplicar uma pequena camada da pomada sobre a cicatriz e espalhar bem.

6 – Colagenase

A Colagenase é uma excelente pomada cicatrizante para a úlcera varicosa. Além disso, pode ser usada para o tratamento de fissuras na pele e outros tipos de feridas.

O seu efeito cicatrizante é surpreendente, pois promove uma limpeza profunda da área da lesão, removendo tecido morto ou crostas rapidamente. Além disso, decompõe o colágeno no local da lesão a fim de estimular a formação de tecido novo no local.

Modo de usar

Para que o resultado seja satisfatório, aplique uma camada generosa da pomada sobre a lesão, usando uma quantidade suficiente para que fique com uma espessura de aproximadamente 2 mm, pelo menos, uma vez ao dia ou de acordo com a orientação de seu médico.

Em caso de úlceras varicosas, é indicado utilizar uma bandagem que comprima o local para acelerar o processo de cicatrização.

7 – Nebacetin

Nebacetin é uma pomada cicatrizante, e é excelente para prevenir as infecções, pois possui efeito antibiótico já que têm bacitracina e neomicina em sua composição. É muito indicada por médicos em geral, pois promove uma cicatrização rápida e segura.

Modo de usar

A pomada deve ser usada de 2 a 5 vezes por dia, diretamente sobre a lesão devidamente limpa e seca. Por conter antibióticos em sua composição, a pomada não deve ser utilizada por mais de 10 dias sem a supervisão de um médico.

8 – Bepantol

O Bepantol é uma das pomadas mais usadas para perfurações como piercings. Ela também é uma das mais prescritas pelos tatuadores para ajudar na cicatrização de tatuagens. Pode ser usada também no tratamento de ferimentos, fissuras e assaduras.

Modo de usar

A pomada deve ser aplicada de 1 a 4 vezes por dia no local da tatuagem ou da lesão na pele para promover uma cura mais rápida.

9 – Cicatricure

A Cicatricure é um das pomadas cicatrizantes mais populares do mercado. Ela acelera a cicatrização e estimula a regeneração da pele. Melhora também a aparência e a textura da pele lesionada.

Modo de usar

A pomada pode ser aplicar até 3 vezes por dia diretamente na cicatriz. O tratamento costuma durar em torno de 2 meses.

10 – Kelo-Cote

O Kelo-Cote é uma pomada cicatrizante geralmente utilizada no período pós-cirúrgico para tratar de cicatrizes decorrentes do procedimento. Além de prevenir a formação de queloides, essa pomada também pode ser utilizada no tratamento de queimaduras e outras lesões na pele.

Modo de usar

O uso deve ser feito de acordo com as orientações médicas ou com a informação contida na bula do produto. As recomendações gerais são de aplicar o Kelo-cote 2 vezes ao dia durante um período de 1 a 2 meses para promover uma boa cicatrização.

É recomendável aplicar o Kelo-Cote 2 vezes por dia por um período de 1 a 2 meses para obter uma boa cicatrização ou de acordo com orientações médicas.

11 – Cicalfate

O Cicalfate é uma pomada cicatrizante e bactericida que promove uma regeneração mais rápida da pele lesionada e também evita a proliferação de bactérias no local.

Modo de usar

De acordo com o fabricante, é indicado aplicar o produto em movimentos circulares, 1 ou 2 vezes por dia na região da cicatriz, que deve estar devidamente limpa e seca.

12 – Cicatrizam

Cicatrizam é uma pomada similar ao Nebacetin e que traz em sua composição antibióticos como Neomycin e Bacitracina. Ela promove a regeneração do tecido lesionado e previne contra infecções.

Modo de usar

A pomada é utilizada de 1 a 2 vezes ao dia em pequenas quantidades, de acordo com a orientação de um médico.

Dicas

Nunca deixe a sua ferida exposta sem os devidos cuidados. Um corte mal tratado pode, além de atrasar a cicatrização, trazer infecções e sérias complicações.

A pele necessita de umidade para uma boa cicatrização. Por tanto, é essencial mantê-la bem nutrida e hidratada. O uso de pomadas específicas, não só ajuda a proteger o ferimento, mas também para promover uma cicatrização mais rápida e eficiente.

Além das pomadas que mencionamos, segue algumas dicas que podem ajudar a você ter uma cura mais rápida e eficaz.

1 – Não fume

Enquanto estiver em tratamento, tente diminuir ou parar com o cigarro. O fumo prejudica a circulação sanguínea impedindo que nutrientes cheguem ao local do ferimento com facilidade, o que atrasa a cicatrização.

2 – Alimente-se bem

Uma alimentação rica em vitaminas e minerais é muito importante para obter um bom processo de cura. Nutrientes como o zinco, vitamina C, vitamina D, vitamina E, magnésio e ômega 3 não devem ficar de fora de sua dieta, pois são nutrientes que aceleram a cicatrização e fortalecem o seu  sistema imunológico.

Alguns alimentos contribuem para uma boa cicatrização. Frutas como a laranja, vegetais como pimentão e tomates, vegetais de folhas verdes escuras e outros alimentos como peixes, carnes e produtos lácteos.

A aplicação de óleo de vitamina E em cortes e feridas também ajudam na cicatrização e na prevenção de marcas na pele. Porém, é preciso ficar atento, pois algumas pessoas podem ter reações alérgicas com o uso tópico da vitamina E.

Antes de fazer uso do óleo de vitamina E, faça um teste com pouca quantidade ou consulte um dermatologista para tirar suas dúvidas.

3 – Aplicar compressas quentes

As compressas quentes ajudam a estimular o fluxo sanguíneo, fazendo com que mais nutrientes e oxigênio cheguem até os tecidos danificados, resultando em uma cicatrização mais rápida e saudável.

4 – Manter o local limpo

A limpeza da ferida ou cicatriz deverá ser feita diariamente ou de acordo com a necessidade. Manter a área limpa e seca ajuda a evitar infecções que possam causar complicações de saúde e prejudicar na cicatrização. Outro fator importante é manter as mãos sempre limpas para evitar possíveis contaminações.

5 – Cuidar bem da sua saúde

Apesar de existirem diversas pomadas específicas para tratar da cicatrização, elas não são o único motivo para uma boa recuperação.

O mais importante é você cuidar da alimentação e manter a saúde geral em ótimas condições, assim seu próprio corpo terá nutrientes suficientes para se recuperar bem.

As pomadas e os medicamentos ajudarão na cicatrização mais rápida e eficaz, mas de nada adiantará, se o seu corpo não reagir de forma natural sobre a lesão e para combater possíveis infecções.

Se você estiver com a saúde em dia, até as pomadas mais simples ajudarão no tratamento e na cura rápida e eficaz. Porém, se a sua saúde não estiver em boas condições, provavelmente o processo de cicatrização será muito mais lento do que o esperado.

 

Qual pomada cicatrizante você costuma utilizar? Para qual tipo de tratamento?

Acesso meu blog e deixe seu comentário!

Veja mais em: www.belacris.com.br

Confira também:
As 10 Principais Causas de Ganho de Peso e Obesidade

 

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!